Thursday, April 03, 2008

Tanta Coisa

De tanto que valeu, ter tentado
Para quê ter esperado?
Para quê ter lutado, se tudo é vão

Porque hoje tornas meus dias cinzentos
Porque o amanhã é sempre mais longe
Porque nem tudo és tu, mas tu és muito
Porque há coisas que eu não sei explicar

Seca-se a garganta,
E engolem-se em seco, as palavras que já não saem
Que já não são fáceis... Não quero que nada se consuma
Quero o meu mundo de pé, construído

E se algum dia me deres lume
E se algum dia me aqueceres a cara à noite
Vais saber que eu estou lá...
Vais saber que eu sou lá

Perto...muito perto...

5 comments:

ines patinhas said...

é importante referir que és parvo! msmo eu sabendo que tu sabes que és, gosto de sublinhar esse facto!@

Mariana said...

acho que vi isto no dia do teatro. tá bonito, transpiras palma e sentimentos lol :)

Celular said...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Celular, I hope you enjoy. The address is http://telefone-celular-brasil.blogspot.com. A hug.

Black Kittie said...

Olá

Gostei mesmo.
Intenso.
Escrito por ti ??


Bjitos

Anonymous said...

Aprendi muito

How Many